• COMPROMISSO COM EXCELÊNCIA
    COMPROMISSO COM EXCELÊNCIA
  • INFRAESTRUTURA VIÁRIA
    INFRAESTRUTURA VIÁRIA
  • CRIAÇÃO DE VALOR
    CRIAÇÃO DE VALOR
  • ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA
    ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA
  • SERVIÇO SOCIAL
    SERVIÇO SOCIAL
  • SINALIZAÇÃO VIÁRIA
    SINALIZAÇÃO VIÁRIA
  • ORGULHO DE SER 100% NACIONAL
    ORGULHO DE SER 100% NACIONAL

Zaire comemora a construção e reabilitação de estradas

Cliente: Governo da Província do Zaire
Obra: Reabilitação de estrada
Local: Mbanza Congo

Reabilitação de vias urbanas no município do Mbanza Congo, província do Zaire com extensão aproximada de 7 Km. Compreende a execução de serviço de infraestrutura técnica; terraplanagem, esgotos sanitários, pluviais, rede eléctrica,  tubagem para redes técnicas e sinalização horizontal e vertical.

 

Empreitada em mãos de angolanos

O director da Minuila, José Joaquim Silva Monteiro, garantiu que o objectivo da empresa é avançar rapidamente com a obra e entregá-la no prazo máximo de 10 meses.

Monteiro explicou que a sua empresa vai construir três ruas na cidade de Mbanza Congo. A empreitada não inclui somente a construção do pavimento, mas também os esgotos sanitários, pluviais, rede de eléctrica e a tubagem para fibra óptica e outros serviços de comunicações.

Depois do lançamento da obra na Quarta-feira, 11, o responsável dava como certo o seu pleno arranque para ontem, Quinta-feira, 12. Joaquim Monteiro realçou que quanto aos pagamentos têm tudo assegurado por parte do dono da obra, no caso o Governo da Província do Zaire, encabeçado por ‘Joanes’ André.

Com duas ruas adjudicadas, a Minuila tinha admitido 72 funcionários. O aumento de uma terceira fez com que o número disparasse para 90 pessoas.

A admissão de jovens, sobretudo que habitam nas redondezas das vias adjudicadas, foi uma das preocupações apresentadas pelo soba Nkiambi, “o reformador”, mas que preferiu atribuir o seu apelido ao governador Joanes André, por ter ‘levado’ o asfalto ao seu bairro.

Exemplificou com o caso de muitos rapazes disponíveis para abraçar actividades como pedreiros e motoristas. Para já, o director das Obras Públicas, Eduardo Chilembo, garantiu que está a ser exigido o cumprimento da legislação nacional que determina a obrigatoriedade de se admitir maioritariamente quadros angolanos.

Questionado sobre a qualidade das obras por erguer, em virtude dos receios apresentados pelo bispo e outras entidades, o director da Minuila rematou: ‘Eu não posso discutir nem falar de trabalhos de terceiros. A nossa empresa está no mercado, é 100% angolana e viemos aqui para fazer um trabalho exemplar.

Quem vai responder a isso são os clientes e as obras que estão no nosso site. Vão ver qual é a nossa capacidade. A população de Mbanza Congo pode ficar descansada. Temos pessoal da mais elevada qualificação e experiência, e com equipamento moderníssimo”.

Fonte: Jornal OPAÍS

 

Vídeos:

 

 

 

Apresentação do projecto:

 

 Andamento da obra:

 

Cliente: Governo da Província do Zaire
Obra: Reabilitação de estrada
Local: Soyo

Reabilitação de vias urbanas no município do Soyo, província do Zaire com extensão aproximada de 2 Km. Compreende a execução de serviço de infraestrutura técnica; terraplanagem, esgotos sanitários, pluviais, rede eléctrica,  tubagem para redes técnicas e sinalização horizontal e vertical.

Andamento da obra: